4.3 C
Castelo Branco
Sexta-feira, Dezembro 3, 2021
No menu items!
InícioDesportoVitória portuguesa no segundo dia de prova

Vitória portuguesa no segundo dia de prova

Volta a Portugal do Futuro

Pedro Miguel Lopes (Kelly/Simoldes/UDO) é o novo Camisola Amarela da Volta a Portugal do Futuro após vencer a segunda etapa da mais importante competição do ciclismo de estrada Sub23, em Cernache do Bonjardim, município da Sertã.

Sempre acreditando que podia vencer e concluir com sucesso o trabalho da equipa nos últimos quilómetros, Lopes alcançou o espanhol Gabriel Jimeno Rodas (GSport/ Grupo Tormo Innova),que durante muito tempo rodou destacado na frente da corrida, a escassos 50 metros da chegada.

Com um sprint vigoroso, não só ganhou a etapa como venceu um segundo de vantagem nas contas da Classificação Geral, o que numa prova sem bonificações é sempre de assinalar.

“A minha equipa trabalhou desde o início da etapa. Os meus colegas tinham o objetivo de me colocar na melhor posição para entrar na subida final. Foi levar o trabalho deles até ao fim e sprintar até ao último metro. Estava confiante e sabia que era possível ganhar”, explicou um sorridente Pedro Miguel Lopes depois da cerimónia de pódio.

A confiança e o sorriso adivinhavam-se-lhe mesmo com a máscara colocada, como exige o protocolo sanitário.

O novo líder aproveitou ainda para deixar uma mensagem ao adversário e amigo Fábio Costa, expulso na véspera na sequência de uma queda: “Certamente ele não queria que aquilo acontecesse. Ele é um bom ser humano e nunca na vida iria provocar a queda propositadamente.Espero que volte mais forte”.

O brasileiro Marcelo Gabriel (Porminho Team Sub23), o anterior comandante da Volta a Portugal do Futuro, teve pouca sorte neste segundo dia com algumas avarias mecânicas ao longo da corrida e chegou bastante atrasado.

Pedro Lopes, Camisola Amarela

Fuga Espanhola Morreu na Praia

Este segundo dia de competição começou e terminou em Cernache do Bonjardim.

Foram 120 quilómetros na região do Pinhal Interior com a corrida a espreitar o rio Zêzere várias vezes.                                                                                                                    Os espanhóis Gabriel Jimeno Rodas (GSport/ Grupo Tormo Innova) e Julian Madrigal Espinoza (Bicicletas Rodriguez/Extremadura) conseguiram destacar-se sensivelmente a meio do percurso conseguindo uma vantagem superior a três minutos.

Na fase final, a perseguição da Kelly/Simoldes/UDO na cabeça do pelotão resultou em pleno e nos últimos quilómetros, apenas com Gabriel Jimeno Roda isolado, surgiram três jovens a morder os calcanhares ao espanhol.

Pedro Miguel Lopes,André Domingues (Efapel), e Romaric Forques (Essax), conseguiram alcançar Gabriel Jimeno Rodas (GSport/ Grupo Tormo Innova) no topo da subida onde estava a meta. Pedro Miguel Lopes não deixou escapar a oportunidade de se tornar o novo líder da 28ª Volta a Portugal do Futuro e vestir a “Camisola Amarela Lusíadas Saúde”.

Por fazer segundo na etapa, Gabriel Jimeno Roda passou a liderar a Classificação por Pontos e enverga a “Camisola Verde Europcar” enquanto André Domingues, terceiro em Cernache e vice-líder da prova, é agora o “Camisola Branca Cube” destinada ao Prémio da Juventude para corredores Sub21.

Francisco Guerreiro (Sicasal/Miticar/Torres Vedras) conseguiu manter a liderança do Prémio Montanha e continuar a vestir a “Camisola Azul Carclasse”.

Futuro vai entrar no Norte Alentejano

Após esta segunda etapa no Centro de Portugal, a prova dos Sub23 segue caminho para o Alto Alentejo.

O terceiro dia de prova vai correr-se em Ponte de Sor, com um percurso de 162,7 quilómetros.

Vai haver Metas Volantes em Foros do Arrão, Galveias e Vale do Açor.

A terceira etapa terá apenas uma contagem de montanha de 4ª categoria, em Montargil.

Leave a Reply

- Advertisment -

Most Popular

COMENTÁRIOS RECENTES

Paula Alexandra Farinha Pedroso on Elias Vaz lança livro sobre lendas e mitos de Monsanto
%d bloggers like this: