23.9 C
Castelo Branco
Terça-feira, Setembro 28, 2021
No menu items!
InícioDesportoTóquio2020: Portugal desilude na estreia no andebol, Dinamarca 'esmaga' Japão

Tóquio2020: Portugal desilude na estreia no andebol, Dinamarca ‘esmaga’ Japão

Portugal estreou-se hoje da pior forma no torneio de andebol do Jogos Olímpicos Tóquio2020, com uma derrota perante o Egito, enquanto a Dinamarca, atual campeã, demonstrou que está novamente na luta pelo ouro

Em jogos do Grupo B, a seleção portuguesa caiu perante o rival egípcio por 37-31, no primeiro jogo oficial de uma modalidade coletiva lusa de pavilhão em Jogos Olímpicos (o hóquei em patins tinha sido modalidade de demonstração em Barcelona 1992), enquanto os dinamarqueses ‘esmagaram’ o Japão, a atuar em casa, por 47-30.

No Yoyogi National Stadium, na capital nipónica, Portugal ainda chegou ao intervalo em igualdade no marcador, mas acabou por deixar fugir o Egito na segunda parte, de nada valendo os seis golos de João Ferraz e os cinco, cada, de André Gomes e Pedro Portela.

Apesar do desaire, a equipa de Paulo José Pereira continua com possibilidades de poder terminar a primeira fase entre os quatro primeiros classificados do grupo e seguir para os quartos de final.

Na próxima segunda-feira, Portugal defronta o Bahrain.

A Dinamarca ‘marcou’ a sua posição no agrupamento com o triunfo folgado sobre a seleção japonesa, com destaque para os nove golos de Jacob Holm, e divide a liderança com o Egito e também a Suécia, que teve muito dificuldades para bater o Bahrain (32-31).

A vice-campeã mundial no Egito2021 e vice-campeã olímpica em Londres 2012, Sydney 2000, Atalanta 1996 e Barcelona 1992 só garantiu o triunfo no último minuto, com um golo marcado e um livre de sete metros falhado por parte dos asiáticos.

O Bahrain esteve mesmo a vencer por 31-29 a poucos minutos do fim e ficou muito perto da primeira grande surpresa do torneio de andebol.

No Grupo A, a França, vice-campeã olímpica, iniciou a prova com um triunfo esperado sobre a Argentina (33-27), enquanto a Alemanha, ‘bronze’ no Rio 2016, foi surpreendida pela Espanha (28-27).

Na frente do agrupamento, junto as franceses e espanhóis, está também a Noruega, que bateu o Brasil por 27-24, num encontro em que os sul-americanos deram muito trabalho aos favoritos escandinavos, chegando mesmo ao intervalo a vencer por 13-12.

*LUSA

Leave a Reply

- Advertisment -

Most Popular

COMENTÁRIOS RECENTES

Paula Alexandra Farinha Pedroso on Elias Vaz lança livro sobre lendas e mitos de Monsanto
%d bloggers like this: