18.1 C
Castelo Branco
Segunda-feira, Setembro 20, 2021
No menu items!
InícioInternacionalVice-presidente do IPCB em jornadas sobre conhecimento e inovação

Vice-presidente do IPCB em jornadas sobre conhecimento e inovação

Luís Farinha, vice-presidente do IPCB, foi convidado a participar na III Jornada do Conhecimento & Inovação no contexto da CT&I Estadual, promovida entre 23 e 25 de agosto pelo Instituto Federal de Santa Catarina e pela Universidade do Vale do Itajaí, no Brasil.

Realizado na íntegra em formato online,o evento teve por objetivo discutir, junto com os agentes de ciência e tecnologia, o papel e o estado atual da criação de conhecimento, apontando alguns dos novos desafios dos ecossistemas de inovação.

Para isso contou com o apoio de stakeholders do sistema científico e tecnológico, de estruturas ligadas à inovação e empreendedorismo, junto com académicos de vários pontos do globo, privilegiando a comparação de boas práticas internacionais.

Da ordem de trabalhos fizeram parte temas como as cidades inteligentes, o desenvolvimento de empresas de base tecnológica, a criação e reforço de redes de inovação ou o empreendedorismo e competitividade sustentáveis.

O docente do Politécnico de Castelo Branco interveio na mesa-redonda sobre conhecimento e inovação em ecossistemas empreendedores, painel onde também foram palestrantes Geraldo Campos, investigador na Sapienza, e Tony Chierighini, diretor executivo do complexo de incubadoras CELTA, da Fundação CERTI, em Florianópolis.

A reflexão centrou-seno período pós-pandemia e na importância crescente da interação academia-indústria nas dinâmicas dos ecossistemas de conhecimento e inovação.

Nessa linha, discutiu-se a premência da centralidade das instituições de ensino superior, não só na qualificação de jovens e requalificação de adultos, como também no reforço de uma cultura empreendedora ao nível da criação de startups e nos domínios do intra empreendedorismo.

É assim fundamental aproximar docentes, investigadores, técnicos, gestores e empresários através de processos de cocriação e de inovação aberta, dinamizando redes de Investigação, Desenvolvimento e Inovação (I&D+I) com forte orientação para o mercado. Em resposta às questões dos participantes emergiu ainda uma troca de experiências, criando-se as bases para futuras linhas de cooperação.

No caso português, Luís Farinha destacou a presença do Politécnico de Castelo Branco em diferentes redes e projetos de I&D+I, incluindo polos de inovação digital como o PT Centro DiH, programas de requalificação de ativos, ou o envolvimento de estudantes, docentes e investigadores no ecossistema regional, quer reforçando a cultura empreendedora e a transferência de conhecimento, quer participando na dinamização e gestão de infraestruturas de apoio à inovação.

O docente apontou ainda o empenho colaborativo do IPCB, que permitiu a Castelo Branco afirmar

Leave a Reply

- Advertisment -

Most Popular

COMENTÁRIOS RECENTES

Paula Alexandra Farinha Pedroso on Elias Vaz lança livro sobre lendas e mitos de Monsanto
%d bloggers like this: