14.9 C
Castelo Branco
Quarta-feira, Outubro 20, 2021
No menu items!
InícioRegionalGonçalo Fernandes lança segundo disco intitulado “Minha Terra, minhas saudades”

Gonçalo Fernandes lança segundo disco intitulado “Minha Terra, minhas saudades”

“Minha Terra, minhas saudades”, é o nome do segundo disco de Gonçalo Fernandes, músico de 27 anos de idade, natural de Proença-a-Nova, a residir e trabalhar em Friburgo, na Suíça.

O álbum foi lançado em agosto de 2021, depois de se ter estreado em 2015, com “Só quero”.

Gonçalo afirma que umas das razões que o levaram a começar a fazer música foi a necessidade de “animar a malta”, principalmente as comunidades e associações portuguesas, para quem faz mais espetáculos.

“Toco em cidades como Friburgo, Genebra, Lausanne ou Payerne, um pouco por toda a Suíça, de forma geral. Também vou atuar a França ou mesmo em Portugal, quando surgem algumas datas. Já me aconteceu ir de propósito a Portugal só para atuar, mas não é tão comum, quero ver se faço alguma festa no futuro por aí, isto se as normas da Direção-Geral de Saúde assim o permitirem, claro”.

O artista fala ainda da vontade em apresentar o disco na Sarzedinha, aldeia de origem dos seus pais.

Além do local, aponta ainda aquele que seria o momento mais adequado para o fazer: “gostava de apresentá-lo por volta do Natal e Ano Novo, que é sempre uma altura onde há mais movimento e mais pessoas para conhecer o meu trabalho”.

Segundo Gonçalo a parceria com Rui Alves, compositor de grande parte das músicas, surge de uma forma natural, uma vez que se trata de um amigo de infância.

“Às vezes ele vem cá atuar, outras vou eu a Portugal, vamos fazendo assim”.

Quanto ao processo criativo que deu origem ao álbum, o artista confessa ter ocorrido um bocadinho “à pressa”, por ter sido gravado em dois dias, “simplesmente porque nos apeteceu”.

Ainda assim, o lado emocional não ficou de parte, “estou a viver no estrangeiro e quando vou a Portugal e escrevo músicas fico sempre mais sentimental. Não tem comparação.

Na Suíça às vezes tenho ‘casas’ vazias e aí, vás para onde fores, tens sempre muitas pessoas a assistir”.

A rapidez com que o disco foi concluído foi motivo de agradecimento à editora DiscoToni por parte de Gonçalo.

Noutras notas de agradecimento o artista referiu também o apoio da Câmara Municipal de Proença-a-Nova, da Junta de Freguesia de Proença-a-Nova e Peral e das empresas Lourenço & Fernandes e ProençaTorno.

Se quiser comprar o disco pode aceder à página de facebook de Gonçalo Fernandes

Leave a Reply

- Advertisment -

Most Popular

COMENTÁRIOS RECENTES

Paula Alexandra Farinha Pedroso on Elias Vaz lança livro sobre lendas e mitos de Monsanto
%d bloggers like this: