12.8 C
Castelo Branco
Quinta-feira, Dezembro 2, 2021
No menu items!
InícioRegionalMunicípio de Idanha-a-Nova assina protocolo para combate a espécie invasora

Município de Idanha-a-Nova assina protocolo para combate a espécie invasora

Fundo Ambiental

O Município de Idanha-a-Nova aderiu a um projeto inédito de prevenção e controlo de espécies exóticas invasoras aquáticas e ripícolas, financiado pelo Ministério do Ambiente, através do Fundo Ambiental.

O protocolo foi assinadona sexta-feira, 29 de outubro, pela vice-presidente da Câmara Municipal de Idanha-a-Nova, Idalina Costa, numa cerimónia presidida por João Pedro Matos Fernandes, Ministro do Ambiente e da Ação Climática, em Lisboa.

O contrato prevê um valor máximo de financiamento de 84 449,72€, a atribuir pelo Fundo Ambiental.

O objetivo é desenvolver atividades de prevenção, controlo e contenção ou erradicação de espécies exóticas invasoras aquáticas no concelho de Idanha-a-Nova, especificamente na ribeira da Toulica, que integra a bacia hidrográfica do rio Aravil, afluente do Tejo, onde foi detetada em 2020 uma nova espécie exótica invasora para a região, a Ludwigiapeploides, na albufeira da Barragem da Toulica, em Zebreira.

Este é um dos projetos que o Fundo Ambiental considera fundamentais para o equilíbrio dos ecossistemas em Portugal.

Na cerimónia protocolar, o Ministro do Ambiente afirmou que estão em causa mais de duas dezenas de projetos, quase todos de promoção municipal, e considerou que os autarcas foram “parceiros inexcedíveis” para a concretização destes trabalhos, em que serão cruzadas diferentes técnicas.

O combate a espécies exóticas invasoras aquáticas e ripícolas vai avançar, assim, em diversos municípios, com intervenções que totalizam 1,2 milhões de euros.

Além de Idanha-a-Nova, os protocolos envolveram também os municípios de Amarante, Cantanhede, Oliveira do Hospital, Proença-a-Nova, Santarém e Viana do Castelo, e ainda outras entidades parceiras como comunidades intermunicipais e instituições de ensino superior.

Estão também contemplados os municípios de Arganil, Lousada, Oeiras, Oliveira do Bairro, Vagos, Vila Nova de Poiares e a freguesia do Parque das Nações, em Lisboa.

 

Leave a Reply

- Advertisment -

Most Popular

COMENTÁRIOS RECENTES

Paula Alexandra Farinha Pedroso on Elias Vaz lança livro sobre lendas e mitos de Monsanto
%d bloggers like this: