12.8 C
Castelo Branco
Quinta-feira, Dezembro 2, 2021
No menu items!
InícioRegionalV. N. da BARQUINHA: III Encontro de Cultura Popular do Ribatejo

V. N. da BARQUINHA: III Encontro de Cultura Popular do Ribatejo

20 de novembro de 2021 – Vila Nova da Barquinha – Auditório do Centro Cultural

O Ribatejo – território, gentes e cultura – é uma região (não administrativa) marcada pela sua diversidade.

De identidade fluida e plural, é, apesar de tudo, uma região que reconhece o seu nome e tem de si uma imagem, que foi trabalhada pelo tempo e pela política, pelo comércio e pelas andanças. Conhecer e recriar essa identidade é uma tarefa de todos os tempos.

O Fórum Ribatejo pensa que o Ribatejo continua a fazer sentido, embora a Administração não lhe reconheça a unidade e a forma.

“Por isso tem vindo a desenvolver um conjunto de ações com vista a aprofundar o conhecimento e mesmo a investigação sobre quem somos e como somos”, refere a organização em comunicado.

Entre essas ações, merece hoje particular atenção o III Encontro da Cultura Popular do Ribatejo.

Também a cultura é como o chão em que se enraíza: constituída de camadas.

E não é novidade que o sistema económico instalado não reconhece grande interesse à cultura popular e às suas personagens, salvo como produtos às vezes comercializáveis no âmbito do turismo.

E, no entanto, não há Cultura sem cultura popular, não há povo que viva sem uma cultura que dê forma a essa vida. Assim foi sempre, assim é hoje.

Olhar com interesse e rigor para essa cultura popular é o principal objetivo deste projeto – do Fórum Ribatejo em parceria com a Câmara Municipal da Barquinha.

À semelhança das edições anteriores, prevê-se que o Encontro, apesar da pandemia ainda em curso, venha a reunir um conjunto diverso de pessoas dedicadas justamente à cultura popular do Ribatejo.

Programa

09h30 – Abertura dos trabalhos.

Apresentação do livro de Atas do II Encontro de Cultura Popular e III Mostra de Livros sobre Cultura Ribatejana.

Fernando Freire – Presidente da Câmara Municipal e Aurélio Lopes – Coordenador do Fórum Ribatejo

10h15 – Roberto Caneira – A meninice – histórias de infância na Glória do Ribatejo

Anabela Leandro dos Santos – Chiripés e estórias sem pés nem cabeça

Ana Saraiva – O imaginário das lendas nas representações identitárias

11h15 – Debate

11h.45 – Intervalo

12h00 – Espaço Animação-Grupo Coral CRAMOL

12h30 – Almoço

14h30 – Ana Paula Guimarães – Artes de se curar em Ribatejo

15h00 – Ernesto Jana – Santa Iria: A oralidade e a escrita no crescimento e modelação urbanística de Tomar

José do Carmo Francisco – Lisboa presente em vinte quadras do cancioneiro de Vila Nova de São Pedro

 Aurélio Lopes – Ensalmos e Benzeduras: A força da palavra e a analogia magico/assertiva

16h00 – Debate

16h30 – Intervalo

16h40 – Ana da Silva – Eu, que não cheguei a ser rainha ou o outro lado da tragédia

Teresa Claúdia – Ecofabular e tradição oral: Como as “mouras encantadas” podem apoiar a consciência ecológica e a preservação do património cultural imaterial português

 Nuno Prates – A vida quotidiana do povo de Alpiarça e o seu cancioneiro popular

Ludgero Mendes – A importância dos provérbios na compreensão da cultura popular do Ribatejo

18H00 – Debate

18h30 – Espaço Animação – BARQUINHA SAUDOSA

19h00 – Sessão de encerramento: Paula Pontes – Vereadora da Cultura

Os trabalhos serão moderados por Alves Jana.

Simultaneamente com os trabalhos, em espaço adjacente, decorrerá  a “III Mostra de Livros” sobre Cultura Popular do Ribatejo”.

Promotores: Município de Vila Nova da Barquinha e Fórum Ribatejo

Evento gratuito, com lugares marcados.

Reservas: reservas@cm-vnbarquinha.pt, 249720358, 962722668, 927410436

Levantamento de bilhetes: Centro Cultural de Vila Nova da Barquinha

Leave a Reply

- Advertisment -

Most Popular

COMENTÁRIOS RECENTES

Paula Alexandra Farinha Pedroso on Elias Vaz lança livro sobre lendas e mitos de Monsanto
%d bloggers like this: