13.5 C
Castelo Branco
Domingo, Maio 29, 2022
No menu items!
InícioNacionalUniversidade de Coimbra atribui Doutoramento Honoris Causa a Rui Nabeiro

Universidade de Coimbra atribui Doutoramento Honoris Causa a Rui Nabeiro

A Universidade de Coimbra (UC), sob proposta da Faculdade de Economia (FEUC), vai atribuir o Doutoramento Honoris Causa ao comendador Rui Nabeiro.

A cerimónia realiza-se dia 9 de março, pelas 11h00, na Sala dos Grandes Atos (Sala dos Capelos).

Esta homenagem pública – a mais elevada distinção atribuída por uma Universidade portuguesa, destinada a cidadãos de indiscutível mérito profissional e de qualidades humanas que constituam uma referência para toda a sociedade – “evidencia o compromisso entre os princípios de gestão que se ensinam na Universidade de Coimbra (em particular nos vários ciclos de estudos da FEUC) e a sua concretização nos processos de liderança empresarial e na dimensão humana das relações de trabalho. Estamos diante de um admirável empreendedor, de espírito solidário e de grande humanismo, qualidades que soube incutir no grupo empresarial que fundou há mais de seis décadas e que tem projetado uma marca e uma região no plano nacional e internacional”, justifica a Faculdade de Economia.

Na cerimónia de Doutoramento Honoris Causa, o Padrinho de Rui Nabeiro será Carlos Fortuna, sociólogo e professor catedrático jubilado da FEUC, ficando as apresentações a cargo de António Martins (elogio do Doutorando) e de Margarida Mano (elogio do Padrinho), ambos Professores Auxiliares da mesma Faculdade.

“Com esta justa homenagem ao comendador Rui Nabeiro retomamos a tradição centenária dos Doutoramentos Honoris Causa, posta em suspenso há demasiado tempo pelas circunstâncias pandémicas que todos conhecemos. Retomá-la com uma personalidade deste calibre, um empresário de perfil humanista com um rico contributo para a sociedade portuguesa nas mais diversas áreas, é particularmente significativo para a Universidade de Coimbra”, afirma o Reitor da UC, Amílcar Falcão.

“O Doutoramento Honoris Causa do Comendador Rui Nabeiro tem um grande significado para a FEUC. Assume um sentido ético, dada a dimensão humana do empreendedor que homenageamos e o exemplo que o seu percurso de vida pode assumir para todos os nossos estudantes e rede de parceiros. Após 30 anos de ensino da Gestão na FEUC, vemos neste Doutoramento uma oportunidade para aprofundar a relação da Escola com as empresas e para afirmar valores de uma verdadeira responsabilidade social”, afirma, por sua vez, o Diretor da FEUC, Álvaro Garrido.

Recorde-se que Manuel Rui Azinhais Nabeiro é natural de Campo Maior, terra do alto Alentejo.

Nasceu a 28 de março de 1931, no seio de uma família humilde e dedicada ao trabalho.

Muito jovem começou a trabalhar na torrefação de café da família.

Tinha apenas 19 anos quando assumiu a direção da Torrefacção Camelo, Lda.

Em 1961 criou a Delta Cafés que daria origem a um grupo empresarial que hoje é líder no mercado dos cafés em Portugal e cujo crescimento nos mercados internacionais é inegável.

O Grupo conta atualmente com mais de duas dezenas de empresas com intervenção direta em áreas tão diversas como a agricultura e vitivinicultura, distribuição alimentar e de bebidas, retalho automóvel, comércio imobiliário e hotelaria.

Rui Nabeiro sempre se esforçou por acompanhar os que lhe estão por perto.

Com os recursos de que dispôs nas diferentes etapas da sua vida, apoiou e continua a contribuir para o bem-estar de muitos.

Autarca desde 1963, foi vereador, vice-presidente e presidente interino da Câmara Municipal de Campo Maior.

Homem de muitas e variadas causas, em 1972 assumiu a Presidência da Câmara Municipal de Campo Maior, cargo que retomou entre 1977 e 1986.

Rui Nabeiro foi premiado,por diversas vezes, pelo seu trabalho empresarial, social e filantrópico.

Foi distinguido, em junho de 1995, com o Grau Comendador da Ordem do Mérito Empresarial, Classe Industrial.

Onze anos depois, a Universidade de Évora concedeu-lhe o Grau de Doutor Honoris Causa.

Rui Nabeiro

Em janeiro de 2006 foi-lhe atribuída a Gran Cruz da Ordem do Infante D. Henrique; três anos depois, em 2009, Don Juan Carlos, Rei de Espanha, atribui-lhe uma das maiores distinções do país vizinho: A Comenda da Ordem de Isabel a Católica.

Em junho 2011 foi também nomeado Cônsul Honorário de Espanha em Elvas e agraciado com a Medalha da Extremadura, atribuída pelo Governo desta região Espanhola.

Seguiu-se em 2012, novo Doutoramento Honoris Causa em Ciências Políticas, atribuído pela Universidade Lusófona.

Em 2021, a Câmara Municipal de Coimbra homenageou o Comendador Rui Nabeiro com A Medalha da Cidade de Coimbra.

Por sua vez, também em 2021, a Câmara Municipal de Lisboa também agraciou Rui Nabeiro com a Medalha de Honra da Cidade de Lisboa.

O Comendador Rui Nabeiro recebeu ainda a Chave de Vila Nova de Gaia, a mais alta distinção honorífica desse município,que lhe foi atribuída em novembro de 2021.

Rui Nabeiro é justamente considerado um dos grandes empresários portugueses.

É igualmente reconhecido como um exemplo ético, de envolvimento humanitário e de responsabilidade social.

Ao longo do percurso e expansão da Delta Cafés, Rui Nabeiro nunca descurou a sua vertente profundamente social, que faz com que a sua obra tenha a classificação de “Empresa Rosto-Humano”, conceito ético em que a FEUC e a Universidade de Coimbra se reconhecem profundamente.

 

 

Leave a Reply

- Advertisment -

Most Popular

COMENTÁRIOS RECENTES

Paula Alexandra Farinha Pedroso on Elias Vaz lança livro sobre lendas e mitos de Monsanto
%d bloggers like this: