13.5 C
Castelo Branco
Domingo, Maio 29, 2022
No menu items!
InícioRegionalServiço de gestão de resíduos em Vila de Rei supera as metas...

Serviço de gestão de resíduos em Vila de Rei supera as metas definidas para 2021

O Município de Vila de Rei volta a ocupar um lugar de destaque em relação à reciclagem de resíduos, liderando na recolha de embalagens e metal, vidro e papel, segundo os dados relativos à Recolha de Resíduos 2021 apresentados pela Valnor – Valorização e Tratamento de Resíduos Sólidos, S.A., empresa responsável pela recolha, triagem, valorização e tratamento de resíduos sólidos em 25 municípios da região Centro do País.

O ranking global apresentado pela Valnor mostra que os habitantes de Vila de Rei são os que mais reciclam entre os 25 concelhos abrangidos, com uma média total de 84,12 Kg/hab./ano de resíduos recicláveis (mais 7,79Kg/hab./ano do que em 2020), superando a meta definida para 2021 de 80 Kg/hab./ano.

Estes resultados são muito superiores à média de Municípios da Valnor, que se cifra nos 45,42 kg/hab.

Olhando para as principais fileiras de recolha seletiva de resíduos, cada Vilarregense reciclou 33,59 Kg/hab./ano de vidro (mais 7,62 Kg/hab./ano do que em 2020), 31,64 Kg/hab./ano de papel e cartão (mais 1,34 Kg/hab./ano do que em 2020) e 17,55 Kg/hab./ano de embalagens de plástico.

Os quantitativos recolhidos em 2021 nos ecopontos foram 275,59 toneladas (105,092 ton de papel/cartão, 57,494 ton de embalagens plásticas/metálicas e 110,04 ton de vidro).

No seu conjunto este valor é superior em 8,67 % ao valor atingido em 2020.

Os Vilarregense continuam exímios a promover os hábitos diários de reciclagem, tendo-se verificado um aumento de 21,59% na reciclagem de vidro, em comparação com o período homólogo do ano anterior.

A mesma situação se verifica na reciclagem do papel e cartão, com um aumento de 2,74%.

Já a reciclagem dos resíduos de embalagem em 2021, registou um decréscimo de 8,20% em comparação com 2020.

Relativamente aos resíduos verdes, em 2021 registou-se um aumento de 25,20% em comparação com 2020.

No total, foram encaminhadas 76,85 toneladas de resíduos verdes com origem no Centro de Receção e Transferência de Resíduos, local onde existe um contentor para a deposição dos resíduos verdes por parte da comunidade Vilarregense.

Ao longo do ano de 2021, foram produzidas em Vila de Rei 959,08 toneladas de resíduos indiferenciados, mais 1,87 % do que em 2020.

No que concerne aos resíduos volumosos, vulgarmente conhecidos por monos, registou-se em 2021 um decréscimo muito positivo de 21,68 % em comparação com 2020, superando a meta definida de 10% de redução.

“As políticas ambientais levadas a cabo pelo Município ao longo dos últimos anos, com especial destaque para a colocação de ecopontos em muitos locais da sede do Concelho e nas nossas aldeias, colocam-nos num lugar de destaque na recolha seletiva de resíduos e mostram que o caminho que seguimos está a traduzir-se em excelentes resultados. Deixo igualmente uma palavra de apreço a todos os Vilarregenses e a todos aqueles que todos os dias recolhem e separam os seus resíduos, colocando-os nos ecopontos, contribuindo para a preservação ambiental da nossa região”, afirma Ricardo Aires, Presidente da Câmara Municipal de Vila de Rei.

Com estes resultados, o Município vê assim reforçado o seu contributo para com o cumprimento dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da Agenda 2030 da ONU, mais concretamente com o ODS 12 – Produção e Consumo Sustentáveis, ou seja, reduzir substancialmente a geração de resíduos por meio da prevenção, redução, reciclagem e reutilização.

A Valnor é a empresa responsável pela triagem, recolha seletiva, valorização e tratamento de resíduos provenientes dos Municípios de Abrantes, Alter do Chão, Arronches, Avis, Campo Maior, Castelo Branco, Castelo de Vide, Crato, Elvas, Fronteira, Gavião, Idanha-a-Nova, Mação, Marvão, Monforte, Nisa, Oleiros, Ponte de Sôr, Portalegre, Proença-a-Nova, Sardoal, Sertã. Sousel, Vila de Rei e Vila Velha de Rodão.

Leave a Reply

- Advertisment -

Most Popular

COMENTÁRIOS RECENTES

Paula Alexandra Farinha Pedroso on Elias Vaz lança livro sobre lendas e mitos de Monsanto
%d bloggers like this: