15.5 C
Castelo Branco
Domingo, Maio 29, 2022
No menu items!
InícioCulturaAlma Azul promove "Passeio de Comboio à Lardosa"

Alma Azul promove “Passeio de Comboio à Lardosa”

13 de março, domingo, entre as 14.30 horas e as 19 horas

A Alma Azul, em parceria com o projeto Um Ponto no Conto, promove um Passeio de Comboio entre Castelo Branco – Alcains – Lardosa, no próximo dia 13, domingo, entre as 14.30 horas e as 19 horas.

Pensado a partir da iniciativa Leituras na Estação, a Alma Azul pretende dar a conhecer o património cultural da freguesia de Lardosa a todos os interessados em passar um domingo em família e utilizando no passeio um transporte ecológico como é o comboio.

Serve ainda para mostrar a riqueza natural da paisagem, intensa em variedade de arbustos e flores silvestres, além das frondosas árvores, onde sobressaem os sobreiros centenários.

Lardosa – Foto Casa do Rossio

As terras de cultivo e as pastagens de rebanhos são outro elemento de destaque nos poucos quilómetros de viagem entre Castelo Branco e a Lardosa.

Com paragem em Alcains, o Passeio continuará ao encontro das extensas zonas de cultivo do feijão frade na Lardosa; tudo numa distância de dezena e meia de quilómetros, que, de comboio, e já incluindo a paragem na Estação de Alcains, não ultrapassa os vinte minutos.

Na chegada à Estação da Lardosa, e depois da apresentação do projeto: Um Ponto no Conto aos participantes, haverá Leituras de narrativas locais e regionais; seguindo depois o grupo por um Itinerário escolhido pelos nossos anfitriões que passa pela Rua de Santo António, Cruzeiro das Alminhas, Fonte Coberta, o Rossio, com visita ao CI Casa do Rossio; passando pela Igreja e a Capela de São Sebastião; a Fonte, a Capela de Santo António, a Vinha da Ordem e a Casa do Povo, tendo por base informativa o livro de Aníbal Sequeira, Lardosa – Imagens da Minha Terra.

Um lanche frugal de Pão da Lardosa e Queijo de Alcains encerrará a tarde de Passeio, onde não faltarão novas Leituras, também de Poesia, com destaque para os poemas de “O Guardador de Rebanhos” de Alberto Caeiro; quadras populares, e um desafio de provérbios sobre o tempo e a vida no campo.

A participação no Passeio está sujeita a inscrição prévia através da morada eletrónica da editora e produtora de atividades culturais, com sede em Alcains; e o número máximo de inscrições é de doze participantes.

Recordamos que em junho de 2021, a Alma Azul promoveu um Passeio na cidade de Castelo Branco, dedicado ao professor de filosofia e dramaturgo Vicente Sanches, com Leituras que se iniciaram na Av. Nuno Álvares, passaram pelo Centro Cívico, seguiram pela Rua D. Dinis e terminaram na Praça Velha, junto à Rua de Santa Maria.

Os Passeios Alma Azul têm como projeto prioritário a dinamização e a valorização do território das Beiras.

*Foto de capa: Diamantino Gonçalves

Leave a Reply

- Advertisment -

Most Popular

COMENTÁRIOS RECENTES

Paula Alexandra Farinha Pedroso on Elias Vaz lança livro sobre lendas e mitos de Monsanto
%d bloggers like this: