16.1 C
Castelo Branco
Terça-feira, Maio 24, 2022
No menu items!
InícioNacionalO crescimento de um projeto social

O crescimento de um projeto social

Divulgação de resultados – Com o apoio POISE (2018 – 2021) integrámos mais 13.857 pessoas no Programa abem: Rede Solidária do Medicamento

O Programa abem: é um projeto inovador, dinamizado pela Associação Dignitude, que apoia as pessoas mais carenciadas no acesso aos medicamentos prescritos e comparticipados pelo Estado Português.

Esta ajuda só é possível é devido à rede colaborativa abem:, que conta com 219 entidades parceiras locais, mais de 1.000 farmácias e dezenas de empresas doadoras e cidadãos solidários que, juntos, já ajudaram mais de 26.000 pessoas especialmente vulneráveis.

A expansão da abem: para novas regiões do País deveu-se, em parte, ao financiamento da Portugal Inovação Social, através de fundos da União Europeia.

Desde abril de 2018 até junho de 2021, o Programa abem: contorno com o financiamento do Programa Operacional Inclusão Social e Emprego (POISE), do Fundo Social Europeu, e de investidores sociais (Alliance Healthcare, SA; Associação Mutualista Montepio; Associação Nacional das Farmácias; Associação Portuguesa da Indústria Farmacêutica; Cáritas Portuguesa; Fundação Ageas e Monaf – Montepio Nacional da Farmácia) no total de 763.118,33€. Este financiamento, localizado nas zonas Norte, Centro e Alentejo, representou um enorme crescimento em termos do número de pessoas apoiadas que, assim, passou o poder aceder com a dignidade e a regularidade necessária aos medicamentos essenciais à vida.

O incremento de beneficiários abem:, por região, foram os abaixo indicados:

  • Beneficiários abem: na zona Norte: desde abril de 2018 integrámos mais 6.160 beneficiários.
  • Beneficiários abem: na zona Centro: desde abril de 2018 integrámos mais 4.823 beneficiários.
  • Beneficiários abem: na zona Alentejo: desde abril de 2018 integrámos mais 2.874 beneficiários.

“É com entusiasmo e gratidão que divulgamos estes resultados que ultrapassaram as nossas expetativas”, diz Maria de Belém Roseira, associada fundadora da Dignitude.

“É fundamental que projetos dessa natureza possam contar com o apoio de uma entidade como a Portugal Inovação Social e de empresas como os investidores sociais, que acreditam que é possível criar um mundo menos desigual. O abem: continuar a desenvolver a sua atividade e chegar às novas regiões do país, apoiando cada vez mais pessoas de forma sustentável, justa e equitativa”, acrescenta.

Filipe Almeida, Presidente da Iniciativa Portugal Inovação Social, destaca “O Programa abem: é um belíssimo exemplo de inovação social porque veio dar resposta a um problema social para o qual ainda não existia uma solução consistente, e justa eficaz. E é demonstração de que a justiça distributiva não está apenas na mão do Estado, está igualmente na poderosíssima mão provocada da sociedade civil organizada que, neste caso, encontrou uma solução na interseção da Saúde com a proteção e a inclusão Social, um lugar que muitas vezes esquecido, mas de paragem obrigatória, onde se pode salvar vidas. Além do impacto direto na vida dos beneficiários deste Programa, o abem: também alerta consciências, promover a cidadania participativa, reforçando laços intracomunitários e despertando a humanidade que em cada um de nós pode ser a salvação de todos. Um exemplo de inovação e uma inspiração de humanidade.

Como entidades parceiras locais (Autarquias, Cáritas, Misericórdias e IPSS) são responsáveis pela referenciação das famílias em situação de carência socioeconómica.

Cada beneficiário referenciado recebe um cartão abem: e pode deslocar-se a qualquer farmácia abem: do país e aceder, sem qualquer custo e descrição total, aos medicamentos sujeitos à receita médica e comparticipados pelo Estado Português.

Atualmente, o abem: já está presente em todos os distritos e regiões autónomas.

Até agora já foram transformadas como vidas de mais de 26.000 pessoas em Portugal.

Em breve divulgação dos resultados do apoio do Programa Operacional do Algarve (CRESC Algarve 2020) que terminou no final de 2021.

Esta é uma iniciativa que continua a ser apoiada por Portugal Inovação Social, através de Fundos da União Europeia, através do Programa Operacional Regional de Lisboa (Lisboa 2020) e por uma nova candidatura ao Programa Operacional Inclusão Social e Emprego (POISE).

Leave a Reply

- Advertisment -

Most Popular

COMENTÁRIOS RECENTES

Paula Alexandra Farinha Pedroso on Elias Vaz lança livro sobre lendas e mitos de Monsanto
%d bloggers like this: