11.1 C
Castelo Branco
Terça-feira, Maio 24, 2022
No menu items!
InícioDesportoSprinters Venezuelanos Voam em Ponte de Sor

Sprinters Venezuelanos Voam em Ponte de Sor

Leangel Linarez(Tavfer-Mortágua-Ovos Matinados) venceu ao sprint a terceira etapa da 39ª Volta ao Alentejo Delta Cafés percorrida entre Elvas e a “Capital da Aeronáutica” portuguesa.

Em Ponte de Sor, o venezuelano foi o mais forte na discussão ao sprint batendo em cima da linha de meta o compatriota OrluisAular (Caja Rural-Seguros RGA) que recuperou a liderança da prova depois de já ter vencido a etapa inaugural.

Mas para os comissários decidirem e atribuir a vitória foi preciso ver e rever o fotofinish tal foi escassa a margem entre os dois.

O espanhol Xabier Azparren (Euskaltel-Euskadi), anterior comandante, baixou ao segundo lugar mantendo-se a diferença de três segundos entre os dois melhores classificados.

A Alentejana está ao rubro com o regresso do sistema de bonificações de tempo e o fim de semana promete duplicar as emoções a começar com o contrarrelógio deste sábado.

17 anos depois…Elvas

O terceiro dia de competição foi um dos mais rolantes encarado pelos homens das bicicletas quase como um ensaio para a luta que vão travar com o cronómetro em Castelo de Vide.

De Elvas, onde a Volta ao Alentejo não ia desde 2005, partiu um pelotão disposto a terminar cedo a etapa.

A média horária das primeiras duas horas de corrida passou os 45 quilómetros hora.

Foram as constantes fugas e a vontade de não desperdiçar os preciosos segundos de bonificação nas Metas Volantes que tornaram a etapa rápida.

No fim, em Ponte de Sor, a média do vencedor e do grande grupo classificado com o tempo de Leangel Linarez pouco diferente iria baixando para os 44,4 quilómetros.

Tal como no dia anterior, a Rádio Popular-Paredes-Boavista viu novamente um dos seus corredores subir ao pódio.

Na chegada agrupada, após 176,7 quilómetros, Daniel Freitas foi terceiro classificado e o melhor português na etapa.

Nas outras contas, as classificações para as diferentes camisolas, apenas se destaca a mudança de líder.

Orluis Aular vestiu a Amarela Delta Cafés e manteve a Vermelha Correio da Manhã por ser o mais regular em prova e, por isso também o mais pontuado.

Rodrigo Caixas (La Alumínios-Credibom-Marcos Car) de 21 anos continua portador de duas camisolas, a Verde Carclasse Jaguar da Montanha e a Branca CMTV da Juventude.

Fim de semana de decisões

O já há tradicional contrarrelógio em Castelo de Vide tem sido um dos pontos que tem ajudado nas últimas edições a definir o vencedor no Alentejo.

São apenas oito quilómetros e meio, mas intensos e mais favoráveis a corredores explosivos onde se pode ganhar, mas sobretudo perder.

O atual líder encara-o com alguma apreensão.

“A primeira parte é um pouco dura e a segunda tem mais técnica, tenho de dar tudo pela Camisola (Amarela). Fomos conseguindo somar bonificações, mas o segundo classificado (XabierAzparren ) está muito próximo, por isso vou dar o meu melhor até ao final”.

Tiano da Silva, da equipa sul africana Protouch, será o primeiro corredor a partir pelas 15h30.

 

 

 

 

 

Leave a Reply

- Advertisment -

Most Popular

COMENTÁRIOS RECENTES

Paula Alexandra Farinha Pedroso on Elias Vaz lança livro sobre lendas e mitos de Monsanto
%d bloggers like this: