7.8 C
Castelo Branco
Terça-feira, Maio 24, 2022
No menu items!
InícioInternacionalDia Internacional do Livro Infantil nos Escalos de Cima e Lousa

Dia Internacional do Livro Infantil nos Escalos de Cima e Lousa

2 de abril, sábado, às 10.30 horas em Escalos de Cima e às 15 horas, na Lousa

A Alma Azul e a União de Freguesias de Escalos de Cima e Lousa assinalam o Dia Internacional do Livro Infantil com uma homenagem à criadora da primeira coleção de livros infantis em Portugal, Ana Castro Osório, que nasceu há precisamente 150 anos.

Duas Oficinas de Leitura e Ilustração a partir dos contos “O Homem de Pedra” e “O Leão de Ouro”, realizam-se no próximo sábado nas freguesias de Escalos de Cima e Lousa.

A primeira será no Parque das Merendas, em Escalos de Cima, a partir das 10.30 horas; e a segunda, no Largo da Escola Velha, na Lousa, às 15 horas (há alternativas em caso de chuva).

As Oficinas são gratuitas e podem participar todas as crianças entre os cinco e os nove anos acompanhadas pelos pais ou avós; numa iniciativa que pretende motivar para a Leitura de contos e lendas em contexto familiar.

Ana Castro Osório, jornalista, escritora e editora, nasceu em 1872, em Mangualde.

Publicou em 1905 “Às Mulheres Portuguesas” o primeiro manifesto feminista português e foi uma das fundadoras do Grupo Português de Estudos Feministas da Liga Republicana das Mulheres Portuguesas.

Dedicou-se ao jornalismo desde muito jovem, dirigindo várias publicações, entre elas “A Mulher e a Criança”. Viveu no Brasil entre 1911 e 1916.

É considerada a criadora da Literatura Infantil em Portugal, tendo realizado uma extensa recolha de contos de tradição oral e publicado volumes de Histórias para Crianças, além de manuais escolares para o 1.º Ciclo.

Traduziu e publicou também os contos dos Irmãos Grimm.

Na poesia foi a musa de Camilo Pessanha, de quem compilou, organizou e editou, em 1920, na Lusitânia, editora de que era proprietária, o livro Clepsidra, um marco na história da Literatura Portuguesa.

A Alma Azul selecionou, em 2005, da vasta obra de Ana Castro Osório, dois contos que publicou em livro para distribuição gratuita.

“O Homem de Pedra”, com o apoio do Município de Castelo Branco e que distribuiu por todos os alunos do primeiro ciclo, no dia 2 de abril, celebrando desse modo o Dia Internacional do Livro Infantil 2005; e “O Leão de Ouro”, com o apoio da FERCAB, que a Alma Azul distribuiu gratuitamente durante a Feira de Actividades Económicas da Beira Interior, em dezembro desse ano.

Um modelo de publicação e divulgação cultural que a Alma Azul quer reativar no concelho de Castelo Branco, dedicando aos contos e às lendas populares um lugar importante no seu trabalho de promoção da Leitura e na dinamização cultural do território.

 

Leave a Reply

- Advertisment -

Most Popular

COMENTÁRIOS RECENTES

Paula Alexandra Farinha Pedroso on Elias Vaz lança livro sobre lendas e mitos de Monsanto
%d bloggers like this: