10.3 C
Castelo Branco
Quarta-feira, Maio 25, 2022
No menu items!
InícioRegionalOLEIROS: Realizador Rui Goulart grava filme em Álvaro

OLEIROS: Realizador Rui Goulart grava filme em Álvaro

A Aldeia do Xisto de Álvaro e o Rio Zêzere, em Oleiros, são cenários no próximo projeto cinematográfico de Rui Goulart.

“Interraill” é o nome deste 15.º filme do realizador e as filmagens vão decorrer em Portugal, Angola, Estados Unidos da América e Brasil.

“É uma história ficcionada” conta o realizador.

“Um grupo de pessoas conhece-se numa viagem de comboio que passa por 33 países europeus. Nesta aventura de longo curso travam amizades e combinam, depois da viagem, conhecer os territórios de origem de cada um. No caso de Álvaro, como retratam o viajante a mostrar a sua terra aos amigos que conheceu na longa viagem de comboio”.

A escolha desta Aldeia do Xisto, continua o realizador, “explica-se pelo barco que faz passeios no rio Zêzere. É um cenário distintivo”.

Como cenas foram gravadas no Flutuante Álvaro, a embarcação turística que tem despertado interesse pelo território.

O ator escolhido para revelar os nossos cenários é Duarte Matos, protagonista do spot publicitário televisivo “Não somos 11, somos 11 milhões”, um hino que acompanhou a Seleção Nacional que acabou por se sagrar campeã europeia de futebol, na França.

O filme será exibido no circuito de cinema, televisão e mercado nacional e internacional de vídeo, DVD e Blu-Ray.

“Trata-se de uma produção destinada ao grande público que vai ter uma grande campanha promocional e vai ser visionada por milhões de espectadores”, revela Rui Goulart.

Neste filme participam o maestro António Vitorino de Almeida, João D’Ávila, Adelaide João, Miguel Borges, Ana Afonso, Rui Mendes, Lídia Franco, Rui Reininho, Cristina Carvalhal, Isabel Silvestre Marisa Paredes, Jaime Nogueira Pinto, Arcebispo de Braga, Eduardo Nascimento, Luz (celebrizada pelos filmes do espanhol Pedro Almodôvar), entre outros.

Goulart realizou vários filmes, alguns dos quais premiados.

O filme “1ª Vez 16mm” estreou em Portugal, Brasil e foi o primeiro filme português a estreia comercialmente nos Estados Unidos.

Este filme conta já com 6 prémios internacionais, tais como: o prémio LAMA (Los Angeles Movie Awards), melhor filme em Toronto, melhor argumento no Alasca, entre outros.

*Foto de capa: cortesia revista Sábado

 

Leave a Reply

- Advertisment -

Most Popular

COMENTÁRIOS RECENTES

Paula Alexandra Farinha Pedroso on Elias Vaz lança livro sobre lendas e mitos de Monsanto
%d bloggers like this: