22.2 C
Castelo Branco
Terça-feira, Maio 24, 2022
No menu items!
InícioNacionalArtigo sobre as primeiras pegadas de crias de elefante antigo entre os...

Artigo sobre as primeiras pegadas de crias de elefante antigo entre os artigos mais lidos da revista Scientific Reports, do grupo Nature

Com coordenação de Paleontólogo português

O artigo “First tracks of newborn straight-tusked elephants (Palaeoloxodon antiquus)”, publicado a meados do ano passado, já está no top 100 dos artigos mais lidos em 2021 na temática Ecologia (em 2021 foram publicados cerca de 2000 artigos nesta temática) da prestigiada revista Scientific Reports, do grupo Nature.

Este artigo apresenta a primeira descoberta de pegadas de crias recém-nascidas de elefante antigo, a par com trilhos de pegadas interpretadas como produzidas pelas suas progenitoras, numa camada de areias dunares eólicas costeiras datada de há cerca de 120 mil anos (MIS 5, Plistocénico Superior) que também apresenta pegadas e artefactos de Neandertais, bem como de vários outros vertebrados fósseis.

Na Península Ibérica, a espécie de elefante antigo encontrou o seu último reduto antes de se extinguir há cerca de 30 mil anos e as primeiras pegadas atribuídas a esta espécie foram descobertas no litoral de Odemira (SW alentejano).

Este artigo que documenta o sítio paleontológico excepcional recentemente descoberto em Matalascañas (Província de Huelva, Espanha) resulta de um intenso trabalho de colaboração científica multidisciplinar internacional, que envolve geólogos (sedimentólogos e paleontólogos) e arqueólogos portugueses de vários centros/instituições de investigação: IDL – Univ. Lisboa, MARE – Centro de Ciências do Mar e do Ambiente, Instituto Politécnico de Tomar, assim como Univ. Huelva, Univ. Sevilha e Museu Nacional de Gibraltar.

Trata-se de uma equipa de investigadores experientes e com muita paixão em produzir ciência de qualidade.

Este artigo documenta a Paleontologia que atualmente fazem investigadores portugueses, em colaboração científica com colegas estrangeiros.

Carlos Neto de Carvalho, técnico do Serviço de Geologia do Município de Idanha-a-Nova e Coordenador Científico do Geopark Naturtejo Mundial da UNESCO está a concluir a sua Tese de Doutoramento em Geologia na Universidade de Lisboa, com tema “Icnologia em eolianitos do Quaternário ibérico – implicações geocronológicas, paleogeográficas, paleoclimatológicas e evolutivas” e orientação científica de Mário Cachão (Dep. Geologia da Univ. Lisboa; IDL), Pedro Proença Cunha (Dep. Ciências da Terra da Univ. Coimbra; MARE)  e de Fernando Muñiz (Dep. Cristal., Miner. e Química Agrícola – Univ. Sevilha).

Neto de Carvalho, C.; Belaústegui, Z.; Toscano, A.; Muñiz, F.; Belo, J.; Galán, J. M.; Gómez, P.; Cáceres, L. M.; Rodríguez-Vidal, J.; Cunha, P. Proença; Cachão, M.; Ruiz, F.; Ramirez-Cruzado, S.; Guzmán, F. G.; Finlayson, G.; Finlayson, S.; Finlayson, C. (2021) – First tracks of newborn straight-tusked elephants (Palaeoloxodon antiquus) at the Matalascañas Trampled Surface (Huelva, SW Spain). Scientific Reports, 11(1): 17311; https://doi.org/10.1038/s41598-021-96754-1

 

Leave a Reply

- Advertisment -

Most Popular

COMENTÁRIOS RECENTES

Paula Alexandra Farinha Pedroso on Elias Vaz lança livro sobre lendas e mitos de Monsanto
%d bloggers like this: