7.8 C
Castelo Branco
Terça-feira, Maio 24, 2022
No menu items!
InícioCulturaAntónio Catana apresenta livro “Por Terras da Idanha”

António Catana apresenta livro “Por Terras da Idanha”

António Silveira Catana apresentou no passado dia 9 de abril o seu novo livro, “Por Terras da Idanha – No Fio da Memória da sua Gente”, uma edição da Câmara Municipal de Idanha-a-Nova.

A cerimónia realizou-se no Forum Cultural de Idanha-a-Nova,no encerramento do 7º Curso Livre sobre Religiosidade Popular, com a presença do autor, do presidente da Câmara Municipal, Armindo Jacinto, do Padre Adelino Lourenço, da escritora e investigadora Antonieta Garcia, a quem coube apresentar a obra, entre outras individualidades.

“Este livro é uma coletânea de artigos da minha autoria, publicados originalmente no mensário Raiano. À semelhança de quatro livros anteriores, que também mereceram edição pela Câmara Municipal de Idanha-a-Nova, a obra resulta da sugestão de leitores que me manifestaram interesse em que as memórias escritas fossem compiladas e dadas à estampa pela importância da sua maior divulgação”, refere António Catana.

O escritor e investigador idanhense adianta que “norteia-me o desejo de escrever com simplicidade e clareza relativamente a temas que me encanta aprofundar, nomeadamente os da cultura popular, centrada sobretudo nas vivências, quer no domínio comportamental coletivo, quer no individual de um passado não longínquo e assente no fio da memória das gentes de Idanha”.

António Catana explica que os 28 textos originais encontram-se agora enriquecidos com “o acrescento de um ou outro parágrafo ou fotografias para maior elucidação e ilustração do tema em foco, e complementados com alguns comentários enviados posteriormente por diversos leitores”.

Na apresentação do livro, o presidente da Câmara de Idanha-a-Nova afirmou que “estas recolhas e estas crónicas das nossas gentes são a história da nossa terra”.

Armindo Jacinto, no prefácio que escreveu para o livro, refere que “é com orgulho e espírito de missão que a autarquia se associa à edição desta obra de António Catana, que uma vez mais nos presenteia com o seu olhar lúcido e atento para nos ajudar a compreender um pouco melhor o nosso concelho, o nosso país e o mundo”.

“Ao longo da nossa história, mas também no presente, temos muitos motivos de orgulho. Ainda há muitas histórias por contar, muitas crónicas por escrever, por isso, o desafio para o Dr. António Catana é continuar a fazê-lo”, afirma o autarca.

A obra foi apresentada por Antonieta Garcia, autora do outro prefácio, para quem “este livro surpreende pela riqueza dos textos e das imagens, que originam uma obra interessantíssima sobre aquilo que é a Idanha”.

“É um livro em que sentimos a identidade de Idanha e da Beira, uma demanda de manter viva uma cultura que é a nossa”, acrescentou Antonieta Garcia.

O Padre Adelino Lourenço, diretor do jornal Raiano, onde os textos de António Catana foram inicialmente publicados, mostrou satisfação com a edição da obra: “Estes textos inserem-se no espírito do Raiano, que nunca foi ser um jornal paroquial, mas sim um jornal para ligar todos os idanhenses, dispersos pelo mundo: divulgar as pequenas notícias que nos unem, que nos dão alegria e nos enternecem”.

 

Leave a Reply

- Advertisment -

Most Popular

COMENTÁRIOS RECENTES

Paula Alexandra Farinha Pedroso on Elias Vaz lança livro sobre lendas e mitos de Monsanto
%d bloggers like this: