21.7 C
Castelo Branco
Quarta-feira, Maio 25, 2022
No menu items!
InícioNacionalThe Art of Tasting Portugal inaugura ciclo de eventos com chefs internacionais...

The Art of Tasting Portugal inaugura ciclo de eventos com chefs internacionais convidados no Verride Palácio Santa Catarina

Dia 31 de maio, o Verride Palácio Santa Catarina abre portas ao chef Rasmus Munk, do restaurante Alchemist (Copenhaga) que terá Alexandre Silva, do restaurante Loco e Fogo, como anfitrião, numa viagem inédita aos produtos e sabores nacionais. Dirk Niepoort segura na batuta dos vinhos para este jantar.

No próximo dia 31 de maio, o Verride Palácio Santa Catarina em Lisboa abre portas ao primeiro evento The Art of Tasting Portugal com duplas de chefs, em que o anfitrião português recebe um chef internacional convidado a vir conhecer o nosso país e os nossos produtos.

Rasmus Munk, chef do Alchemist (2* Michelin), em Copenhaga, e Alexandre Silva, chef dos restaurantes Loco (1* Michelin) e Fogo, em Lisboa, são a dupla que inaugura este ciclo de eventos, em que se pretende apresentar o país, os seus produtos e promover sinergias entre alguns dos mais mediáticos chefs internacionais da atualidade e alguns dos chefs portugueses com maior projeção no panorama gastronómico nacional e internacional.

Este evento, com uma programação que se estende ao longo de 3 dias, tem unicamente disponível para venda ao público o momento do jantar que se inicia pelas 19h, com o preço de 400€ e apenas 30 lugares disponíveis.

“Ter como missão promover a gastronomia portuguesa, nas suas vertentes de qualidade, criatividade e singularidade, é ambicioso. Colocámos uma fasquia elevada quando criámos a plataforma The Art of Tasting Portugal em 2020 e, mesmo com o período “atípico” que todos vivemos, acreditamos que estamos a juntar as peças certas para esta construção. No site do projeto, foi desenvolvido um mapeamento de produtos que envolve a comunidade de chefs, de forma democrática, com uma loja online, onde se consegue aceder a experiências turísticas focadas no melhor da nossa gastronomia. Em 2021 realizámos o primeiro evento internacional, em Amsterdão, ao qual levámos quatro chef portugueses (Henrique Sá Pessoa, Rui Paula, Diogo Rocha e Rui Sequeira), numa apresentação moderna e criativa de quatro regiões nacionais e, agora, em 2022 iniciamos o processo inverso de trazer a Portugal alguns dos mais reconhecidos profissionais do setor para que não só conheçam o país, mas que venham a ser futuros embaixadores deste vasto património de sabores e de produtos portugueses.  Defendemos que a gastronomia é o melhor cartão de visita para a promoção de Portugal”, afirma Patrícia Dias, fundadora do The Art of Tasting Portugal, a par de Adriana Fournier.

É um privilégio contar com o Verride Palácio Santa Catarina como parceiro, que encaramos como uma embaixada do melhor que existe em Portugal, que disponibiliza o seu espaço para este evento. O apoio da KML/Air France demonstra o interesse que o país regista e a importância que a gastronomia assume na escolha deste destino. O facto de contarmos com a presença de Dirk Niepoort, e com os vinhos da sua Casa neste jantar será claramente um dos pontos altos desta noite, acrescenta Adriana Fournier.

Portugalidade e sazonalidade serão pratos fortes à mesa do jantar de dia 31 no Palácio Verride Santa Catarina.

O chef Rasmus Munk chegará a Portugal – onde nunca esteve – alguns dias antes, e irá a Peniche e às Berlengas, para conhecer melhor os produtos do nosso mar.

Algas, peixes e mariscos serão ingredientes em destaque neste jantar.

O menu vai apresentar pratos icónicos de ambos os chefs, assim como algumas surpresas, espontâneas, inspiradas nesta viagem.

Dirk Niepoort vai marcar presença neste evento, onde terá a seu cargo a desafiante missão de acompanhar o menu deste jantar especial com vinhos da Niepoort, casa centenária de vinhos de eleição.

Haverá também um Momento do Chá, trazido por Nina Gruntkowski, co-fundadora do projecto Chá Camélia, plantação de chá no Fornelo, que é única na Europa continental.

Estou muito entusiasmado com este encontro, pelas sinergias entre equipas e pelo momento de partilhar a cozinha com este profissional cujo trabalho acompanho e admiro. Acredito que a viagem às Berlengas será marcante para perceber a diversidade de produto da nossa costa e vai inspirar algumas surpresas no menu deste jantar que iremos desenvolver em conjunto, afirma o chef Alexandre Silva, à frente dos restaurantes Loco (1* Michelin) e Fogo.

Quanto ao chef Rasmus Munk, do restaurante Alchemist (2* Michelin), complementa: “Estou muito entusiasmado por ir a Portugal cozinhar pela primeira vez com a equipa do Alchemist. Será uma oportunidade para explorar alguns produtos locais e potenciar o nosso processo criativo, quem sabe, com algumas inspirações portuguesas nos nossos próximos menus”.

Irreverentes e profundamente criativos, estes dois chefs caracterizam-se por promoverem momentos de reflexão através das suas propostas gastronómicas.

Com 31 anos apenas, Rasmus Munk está na vanguarda da cena gastronómica mundial, tendo conquistado para o seu Alchemist (criado em 2015), em Copenhaga, duas estrelas Michelin.

O que o distingue é o facto de reunir no mesmo espaço encenação, arte e ativismo – além de comida excelente, claro.

O próprio nome “Alquimista” diz bastante sobre a proposta – alquimia é um processo químico de transformação em ouro.

Experimental e sensorial, o espaço quer tanto provocar pensamento e introduzir conversas difíceis como servir comida deliciosa.

A nível nacional, Alexandre Silva assume desde a abertura do seu LOCO (1*Michelin) a missão de inovar, marcar a diferença, quer na vertente criativa que marca este espaço quer na vertente de se focar na essência de um conceito, que marcou a abertura do FOGO.

É a criatividade e a irreverência destes dois chefs que estará em destaque no dia 31 de maio.

Leave a Reply

- Advertisment -

Most Popular

COMENTÁRIOS RECENTES

Paula Alexandra Farinha Pedroso on Elias Vaz lança livro sobre lendas e mitos de Monsanto
%d bloggers like this: