27.2 C
Castelo Branco
Domingo, Agosto 14, 2022
No menu items!
InícioCulturaVILAS MUTANTES: em estado líquido

VILAS MUTANTES: em estado líquido

31/07 às 16h @ portão do Seminário das Missões

“Vilas Mutantes: no estado líquido” – espetáculo a partir das memórias, figurinos, saberes e inquietações da comunidade de Cernache do Bonjardim – apresenta-se ao público no dia 31/07 às 16h nesta vila do concelho da Sertã, com ponto de encontro no portão do Seminário das Missões.

A iniciativa resulta de um trabalho da coreógrafa Alice Duarte e do músico Alexandre Moniz com a comunidade local, preparado ao longo de todo o mês de julho.

Sinopse:

Lembram-se daquele lugar onde a matéria se transformou? Onde o físico perdeu a rigidez? Este é um bocadinho lugar desse.

Aqui, nós temos sapatos invisíveis, que só calçamos para dançar até o sol aparecer no céu. Uma e outra vez.

Ao final de um mês de criação e ensaios com talentos da comunidade da vila natal de D. Nuno Álvares Pereira, apresentando-se no Seminário das Missões –espaço inserido na quinta de 32 hectares onde será nascido o Santo Condestável.

Alice Duarte, bailarina e coreógrafa, desenvolveu junto da comunidade local um trabalho que mergulha nas suas memórias, figurinos, saberes de caráter pessoal, social e cultural.

O espetáculo será fruto de um trabalho assente em metodologias de arte participativa que aliam ferramentas artísticas da dança e da música.

Na dimensão musical, o músico Alexandre Moniz, com raízes na freguesia de Envendos (Mação), utilizou a sua ligação à terra e a experiência com múltiplos instrumentos musicais para estimular a participação através da música como linguagem universal.

A iniciativa faz parte do programa FÔLEGO – programa de intervenção artística movido pelo combate às alterações climáticas em Mação, Sertã, Oleiros, Proença-a-Nova e Vila de Rei.

Vilas Mutantes: em estado líquido” contou com a colaboração da União das Freguesias de Cernache do Bonjardim, Nesperal e Palhais, para além dos parceiros oficiais do FÔLEGO.

Ficha Artística

  • Direção Artística: Alice Duarte
  • Direção Musical: Alexandre Moniz
  • Cocriação e Interpretação: Alexandre Moniz, Alice Caldeira, Ana Barata, Ana Rita Santos, Catarina Silva, Cláudia Dias, Cristina Farinha, Diana Mendes, Jorge Nunes, Madalena Martins Farinha, Oleksandra Shakhnovska e Silvina Ladeiras
  • Figurinos: Maria José Barata
  • Agradecimentos: Vera José, D. Libânia, Silvina Ladeiras, Maria João Ribeiro (Junta de Freguesia de Cernache do Bonjardim), Pe Luís Figueiredo, Miguel Manso e Fátima Parreira

Leave a Reply

- Advertisment -

Most Popular

COMENTÁRIOS RECENTES

Paula Alexandra Farinha Pedroso on Elias Vaz lança livro sobre lendas e mitos de Monsanto
%d bloggers like this: