16.3 C
Castelo Branco
Quinta-feira, Outubro 6, 2022
No menu items!
InícioNacionalCentro Geodésico de Portugal “pinta-se” de vermelho para sensibilizar para a ...

Centro Geodésico de Portugal “pinta-se” de vermelho para sensibilizar para a Distrofia Muscular de Duchenne

O Município de Vila de Rei juntou-se à campanha de consciencialização da população para a Distrofia Muscular de Duchenne (DMD), iluminando o Centro Geodésico de Portugal com a cor vermelha, na noite de 6 de setembro.

A DMD é uma doença neuromuscular rara, que afeta principalmente os bebés do sexo masculino.

O Centro Geodésico de Portugal juntou-se assim a um conjunto de monumentos nacionais e internacionais para esta campanha, como o Coliseu de Roma, a Torre Eiffel, a fachada do Presépio da Sagrada Família, as Cataratas do Niágara, entre muitos outros.

A iniciativa é promovida em território nacional peça APN – Associação Portuguesa de Neuromosculares, sob o mote ‘o X marca o Duchenne’.

A iniciativa pretende sensibilizar a população para esta situação clínica, que se carateriza pela perda de massa muscular, fraqueza progressivas e degeneração do músculo-esquelético, liso e cardíaco, sendo classificada como doença rara, afetando uma em cada 3.500 crianças do sexo masculino.

Segundo a World Duchenne Organization a cor vermelha simboliza a união de todas as organizações internacionais, neste dia mundial e que permitirá cumprir o segundo objetivo – o de unir os doentes de Portugal aos do resto do mundo, estendendo esta solidariedade à comunidade feminina, portadora ou atingida diretamente pela Distrofia Muscular de Duchenne.

Leave a Reply

- Advertisment -

Most Popular

COMENTÁRIOS RECENTES

Paula Alexandra Farinha Pedroso on Elias Vaz lança livro sobre lendas e mitos de Monsanto
%d bloggers like this: