23.9 C
Castelo Branco
Sábado, Setembro 24, 2022
No menu items!
InícioNacionalMontenegro acusa Costa de "brincar com as palavras" sobre pensões

Montenegro acusa Costa de “brincar com as palavras” sobre pensões

O presidente do PSD, Luís Montenegro, acusou hoje o primeiro-ministro, António Costa, de andar a “brincar com as palavras” e com os portugueses sobre o futuro das pensões.

“Não pode brincar com as palavras. O Governo decidiu um corte de mil milhões de euros no sistema de pensões. Isso é inegável, eu diria mesmo que isso é matemático”, afirmou Luís Montenegro aos jornalistas em Mortágua, onde esteve no âmbito do programa “Sentir Portugal”.

No seu entender, “quem dá hoje aquilo que tira amanhã não está a dar ajuda nenhuma, a ajuda é rigorosamente zero, quando muito será apenas uma ajuda em termos de ‘timing'”.

O líder social-democrata frisou que António Costa apenas “antecipou o pagamento de mil milhões de euros, que seria devido através da lei”, para este ano “e quis dizer às pessoas que estava a dar-lhes uma ajuda adicional para enfrentarem o problema da inflação”.

“Ao fazer isso, diminui a base sobre a qual os aumentos de pensões de 2023 em diante partem com mil milhões de euros a menos e, portanto, todos os aumentos estão condicionados a essa base”, lamentou.

Neste âmbito, Montenegro desafiou o primeiro-ministro a deixar “este estilo de cobardia política” e a dizer aos portugueses: “eu estou a tirar mil milhões de euros ao sistema de pensões para as tornar mais sustentáveis no médio e no longo prazo”.

Na opinião do presidente do PSD, António Costa não terá tomado esta decisão “por maldade às pessoas”.

“Eu não julgo que ele queira prejudicar as pessoas, não é isso que eu quero afirmar aqui. O que eu quero é que ele seja corajoso e verdadeiro. O que eu quero é que ele fundamente as suas decisões e depois vamos discutir se elas estão certas ou estão erradas”, esclareceu.

Luís Montenegro exortou o Governo a fazer uma política séria e de verdade, porque “um governo corajoso e verdadeiro tem mais credibilidade e mais capacidade de alavancar as forças da sociedade para dar mais desenvolvimento ao país”.

O líder do PSD iniciou hoje o programa “Sentir Portugal”, que o levará, ao longo dos próximos dois anos, a passar uma semana por mês em cada um dos distritos do país.

Leave a Reply

- Advertisment -

Most Popular

COMENTÁRIOS RECENTES

Paula Alexandra Farinha Pedroso on Elias Vaz lança livro sobre lendas e mitos de Monsanto
%d bloggers like this: