23.9 C
Castelo Branco
Sábado, Setembro 24, 2022
No menu items!
InícioNacional6 fatores a considerar numa oferta de emprego

6 fatores a considerar numa oferta de emprego

Uma oferta de emprego é sempre positiva, especialmente quando as estatísticas mais recentes do Instituto Nacional de Estatística revelam que 56% dos desempregados continuam sem emprego no 2º semestre de 2022, pese embora o contexto de pleno emprego técnico. Contudo, aceitar uma oferta de emprego de imediato não é a decisão mais acertada. O ideal é avaliar, primeiro, se ‘aquela’ é a oportunidade adequada para si. Nesse sentido, a Adecco Portugal reuniu seis fatores que deve sempre ter em consideração antes de aceitar.

Na pesquisa por novo emprego, poderá deparar-se com várias ofertas ao mesmo tempo: é importante avaliar as oportunidades e compreender se são uma boa aposta a longo prazo.

É uma oferta competitiva? Está alinhada com os meus propósitos profissionais e pessoais? Considere e avalie todas as camadas da oferta antes de aceitar.

Salário

Um dos fatores com maior relevância quando se está a ponderar uma oferta de emprego é o salário. Saber se um emprego é adequado para si baseia-se muito em saber se a remuneração irá ser suficiente para cobrir todas as despesas e se é competitivo face ao que as outras empresas oferecem.

Como saber se um salário é adequado para si? Deve considerar o seu nível de experiência, as suas competências e quão relevante é o seu perfil profissional no mercado de trabalho atual.

Se o salário for particularmente bom, certamente irá sentir-se tentado a aceitar a oferta sem pensar duas vezes, mas é preciso lembrar que nestes últimos dois anos, face à pandemia e ao conflito de guerra, a inflação está a atingir os níveis mais elevados das últimas três décadas, o que significa que dedicar algum tempo a avaliar devidamente a oferta de emprego e calcular se o salário é competitivo poderá fazer uma grande diferença a nível financeiro nos próximos meses e anos.

Benefícios

Considere também os benefícios e regalias como parte da compensação total e que hoje em dia é frequente fazerem parte de uma oferta de emprego.

Seguros de saúde, dias de férias extras, prémios de desempenho, flexibilidade nos horários, formação, perspetivas de carreira ou acesso à tecnologia mais avançada são alguns dos benefícios frequentemente oferecidos.

Os benefícios não representam mais dinheiro na sua conta bancária, mas podem ajudar a poupar. Vantagens como férias pagas e modelos de trabalho híbrido ou remoto também podem ser a resposta para o work/life balance. Dica: nunca ignore os benefícios e regalias ao avaliar uma oferta de emprego: equilíbrio financeiro é fundamental, mas a sua saúde mental também, uma questão que emergiu como fundamental na pós-pandemia.

Aptidão Profissional

Depois de analisar o salário e os benefícios, é altura de pensar na sua carreira a longo prazo. Será que esta oferta está alinhada com os seus objetivos profissionais para os próximos anos?

É fácil sentir-se tentado a aceitar de imediato uma posição quando lhe oferecem um bom salário e benefícios atrativos. Contudo leve algum tempo a analisar se esta posição o fará chegar mais perto de onde quer posicionar-se profissionalmente dentro de 5 ou 10 anos. Responda às seguintes questões:

  • Irá ganhar experiência importante e relevante?
  • Terá a oportunidade de trabalhar com pessoas talentosas?
  • Haverá espaço para crescer na empresa?

A oferta em si pode não ser o emprego dos seus sonhos, mas ser importante para colocá-lo no caminho que deseja seguir.

Antes de aceitar a oferta é essencial investigar a empresa para que possa não só conhecer melhor o trabalho que desenvolvem mas se está alinhado com as suas ambições profissionais.

Fatores interpessoais

Mesmo um trabalho bem remunerado com uma longa lista de benefícios e regalias pode ser insatisfatório ou desagradável se não estiver confortável com as pessoas à sua volta. Um mau ambiente de trabalho irá inevitavelmente afetar a sua performance. Se está à procura de um projeto profissional em que possa aprender com os outros, mas acha que esta oferta vai exigir muito trabalho individual com poucas oportunidades de interagir com colegas, então pode não ser a oferta indicada para si. Não ignore estes aspetos interpessoais que irão ser fundamentais no dia a dia.

Custos

Se a oferta exigir que faça longos quilómetros de deslocação até ao local de trabalho, poderá ter despesas em gasolina e estacionamento que desequilibrem o valor da remuneração inicial. O longo trajeto poderá também ter custos de tempo e afetar negativamente o seu equilíbrio entre vida profissional e vida privada.

Recrutamento

Agilize o processo de procura: enquanto está nesta fase, ou mesmo em processo de recrutamento, até aceitar formalmente a oferta, pode equacionar candidatar-se a várias posições.

Quando lhe é apresentada uma oferta de emprego, a potencial entidade empregadora dar-lhe-á normalmente um prazo para aceitar a vaga. Este pode ser de 24 horas, uma semana, etc. Utilize este tempo para avaliar cuidadosamente a oferta e, se tiver alguma dúvida, contacte imediatamente o recrutador.

Quando receber uma oferta de emprego, peça-a sempre por escrito. Embora os acordos verbais sejam sérios, não têm qualquer validade legal. A menos que seja por escrito, não pode garantir nada, e pode causar problemas nas fases finais do processo de recrutamento.

Leave a Reply

- Advertisment -

Most Popular

COMENTÁRIOS RECENTES

Paula Alexandra Farinha Pedroso on Elias Vaz lança livro sobre lendas e mitos de Monsanto
%d bloggers like this: