7.3 C
Castelo Branco
Quinta-feira, Dezembro 1, 2022
No menu items!
InícioRegionalPadre Adelino homenageado pelos 50 anos de sacerdócio em Idanha

Padre Adelino homenageado pelos 50 anos de sacerdócio em Idanha

Atribuída a Chave de Ouro

“Estamos em casa e estamos em família! Se alguém tem de agradecer alguma coisa, sou eu. Por servir estas comunidades há 50 anos”, disse o Padre Adelino Américo Lourenço, emocionado, na celebração dos 50 anos como Pároco de Idanha-a-Nova.

A homenagem do povo de Idanha decorreu no Santuário de Nossa Senhora do Almortão, no dia 8 de outubro de 2022, data em que cumpriu 50 anos de sacerdócio neste concelho raiano.

Um dos momentos altos do dia foi a atribuição da Chave de Ouro da Vila de Idanha-a-Nova, uma nova distinção municipal. O Presidente da Câmara, Armindo Jacinto, acaba de entregar a entrega da primeira Chave de Ouro ao Padre Adelino que, “nos últimos 50 anos foi um digníssimo guardião dos nossos valores e identidade cultural, que muito bem tem defendido e conservado”.

Chave de Ouro

“Como exemplo maior, temos o admirável contribuinte do Padre Adelino na devoção a Nossa Senhora do Almortão”, acrescentou Armindo Jacinto. A autarca explicou que aChave de Ourodestina-se a galardoar entidades e personalidadespelo seu reconhecido mérito e porserviços excecionais ou contribui para o Município, suas populações e comunidades.

Para organizar a homenagem ao Padre Adelino foi nomeada uma Comissão Organizadora, presidida por João Dionísio, Presidente da Assembleia Municipal de Idanha-a-Nova e um dos primeiros sacristãos do então novo Pároco, que chegou a Idanha em 1972.

“Todos os que vieram a esta homenagem ficou de coração cheio. Devemos muito ao Padre Adelino, a entrega e a paixão que tem pelo concelho e o povo de Idanha-a-Nova e, também, a contagiante devoção a Nossa Senhora do Almortão e ao seu santuário”, afirmou João Dionísio.

De forma aperpetuar a homenagem foidescerrada uma placa evocativa no alpendre da Capela da Senhora do Almortão.

O momento foi testemunhado por muitas famílias Idanhenses, que aproveitaram para merendar na Ermida.

A celebração incluiu ainda o lançamento do livro “Padre Adelino Américo Lourenço – Uma Biografia”, da autoria de José António Santos.

O Padre Adelino Américo Lourenço mostrou-se reconhecido por esta demonstração de amor e carinho do povo idanhense: “Só posso dizer uma expressão simples, pelo qual nós, os Idanhenses e toda a gente da região, somos conhecidos em parte qualquer o mundo: bem haja”.

 

Leave a Reply

- Advertisment -

Most Popular

COMENTÁRIOS RECENTES

Paula Alexandra Farinha Pedroso on Elias Vaz lança livro sobre lendas e mitos de Monsanto
%d bloggers like this: