11.7 C
Castelo Branco
Terça-feira, Janeiro 31, 2023
No menu items!
InícioInternacionalUniversidade da Beira Interior e Museu Arqueológico do Fundão criam com...

Universidade da Beira Interior e Museu Arqueológico do Fundão criam com a Polónia jogo de Gestão do Património

A Universidade da Beira Interior e o Museu Arqueológico do Fundão desenvolveram, em conjunto com o Instituto Politécnico de Lublin (Polónia), o Instituto Politécnico de Milão (Itália), o Museu de Terras de Fronteira (Lubaczów, Polónia) e o Museu Casa de Dante (Florença, Itália) um projeto europeu na área da gamificação associada à gestão, defesa e preservação do património arquitectónico.

Num projeto pioneiro em gamificação, dos trabalhados resultou um jogo que será um instrumento pedagógico utilizado no ensino superior em futuras práticas de gestão patrimonial.

A apresentação final do projeto terá nos próximas dias 13 e 14 de em Mântua (Itália), estando já a ser testado em contexto educativo real.

Para Boguslaw Szmygin, antigo Presidente do ICOM Polónia, Reitor da Faculdade de Engenharia Civil do Politécnico de Lublin e coordenador do projecto “o EDUGAME foi uma experiência de grande importância na medida em que conseguiu unificar europeias tendências distintas nos domínios da preservação do património construído. É uma permuta de saberes a continuar e este aparente contraste entre legislações e práticas profissionais nos três países envolvidos diluíram-se, afirmando a defesas do património como um valor que reforça da unidade cultural e identitária europeia.”

Em Portugal o cenário agora escolhido para exemplificar o jogo recaiu  num edificado quinhentista, localizado na Rua da Cale, eixo da identidade histórica da zona antiga do Fundão.

O jogo, direcionado para alunos de arquitetura, engenharia e gestão do património, propõe o confronto com as múltiplas situações e atores que formam a intrincada cadeia operativa de qualquer processo de reconstrução de um bem patrimonial como a Direção Geral do Património Cultural ou Departamentos de Obras, Planeamento e de Património Cultural municipais.

Pedro Salvado, diretor do Museu do Fundão e  membro da comissão técnica, comenta ao Beiranews que “o EDUGAME reforçou as dinâmicas de trabalho científico entre o Município do Fundão e a Universidade da Beira Interior, ao mesmo tempo que se internacionalizam os nossos territórios de investigação. A ligação com a Polónia terá continuidade nos domínios da arqueologia e dos estudos etnográficos comparativos com a equipa o Museu de Terras de Fronteira de Lubaczów. O jogo da gestão do património ajudar-nos-á, apelo menos, agilizar os processos de gestão patrimonial e, acima de tudo, a conhecer e a cumprir as leis nacionais de defesa do património.”

*FOTO: Equipa do Edugame – visita técnica … 

Leave a Reply

- Advertisment -

Most Popular

COMENTÁRIOS RECENTES

Paula Alexandra Farinha Pedroso on Elias Vaz lança livro sobre lendas e mitos de Monsanto
%d bloggers like this: