4.6 C
Castelo Branco
Quinta-feira, Fevereiro 9, 2023
No menu items!
InícioNacionalEnvelhecimento ativo e saudável em debate no IPCB

Envelhecimento ativo e saudável em debate no IPCB

“Isolamento e violência contra as pessoas idosas – realidades que é preciso combater” foi o tema da sessão promovida a 13 de dezembro pelo Politécnico de Castelo Branco e restantes parceiros do AgeINfuture – Centro de Referência para o Envelhecimento Ativo e Saudável do Interior da Região Centro, rede que o IPCB integra através da Age.Comm–Unidade de Investigação Interdisciplinar – Comunidades Envelhecidas Funcionais.

O painel de debate contou com Albino Tavares, comandante do Comando Territorial de Castelo Branco da Guarda Nacional Republicana (GNR); António Mendes, supervisor do modelo integrado de policiamento de proximidade do Comando Distrital de Castelo Branco da Polícia de Segurança Pública; António Manuel Martins Batista, do Instituto Politécnico da Guarda; e Sílvia Sousa, jurista e técnica de projeto da Associação Portuguesa de Apoio à Vítima.

À plateia presente nos serviços centrais do IPCB, os convidados deram a conhecer metodologia e resultados das iniciativas de sensibilização e acompanhamento que as respetivas entidades têm em curso junto da população sénior.

No encontro foi ainda assinada a adesão dos comandos territoriais da GNR de Castelo Branco, Guarda e Viseu ao Centro de Referência para o Envelhecimento Ativo e Saudável do Interior da Região Centro.

O mais recente parceiro do AgeINfuture, um dos seis centros regionais em Portugal desta rede colaborativa, passa a ter acesso a formações, ajuda na elaboração e participação em projetos de intervenção e investigação científica, bem como apoio em candidaturas nacionais ou europeias.

Recorde-se que a Age.Comm, unidade de investigação do IPCB, junta especialistas das ciências sociais e comportamento, educação, tecnologias da informação e ciências da saúde, procurando compreender o fenómeno do envelhecimento populacional em territórios como a Beira Baixa.

Já o AgeINfuture, fruto da parceria entre os politécnicos de Castelo Branco, Guarda e Viseu e a Universidade da Beira Interior, e que trabalha com autarquias, forças de segurança ou organizações, foca-se na criação de soluções inovadoras para este problema, gerando oportunidades para o envelhecimento ativo, independente e saudável dos cidadãos residentes nestes três distritos.

O centro faz parte da Rede Portuguesa de Envelhecimento Saudável e Ativo e da European Innovation Partner ship on Active and Healthy Ageing, da Comissão Europeia.

Leave a Reply

- Advertisment -

Most Popular

COMENTÁRIOS RECENTES

Paula Alexandra Farinha Pedroso on Elias Vaz lança livro sobre lendas e mitos de Monsanto
%d bloggers like this: