9.6 C
Castelo Branco
Terça-feira, Dezembro 5, 2023
No menu items!
InícioCulturaCancioneiro da Música Tradicional de São Miguel de Acha apresentado a 11...

Cancioneiro da Música Tradicional de São Miguel de Acha apresentado a 11 de novembro

A ADEPAC – Associação de Defesa do Património Cultural de São Miguel de Acha (https://adepac.pt), no concelho de Idanha-a-Nova (Cidade Criativa de Música da Unesco desde 2015), vai editar o Cancioneiro da Música Tradicional de São Miguel de Acha, da autoria de Joaquim Gonçalves e José Ramos Alexandre, que será apresentado em sessão pública no próximo dia 11 de novembro na sede da Associação.

Trata-se de uma obra com cerca de 470 páginas, que reúne mais de 140 modas ou cantos de música tradicional, de cariz profano ou religioso, todas recolhidas na aldeia de São Miguel de Acha, sobre muitas das quais já se haviam também debruçado, por exemplo, Artur Santos, Constantino Varela Cid, Fernando Lopes-Graça, Joly Braga Santos, Jorge Croner de Vasconcelos, Michel Giacometti, Virgílio Pereira, entre muitos outros, desde o início do Séc. XX, como o Cancioneiro documenta.

Julga-se que o livro merece redobrada atenção dos amantes da música tradicional em geral e dos especialistas em particular pela qualidade cultural e técnica que possui.

Além de apresentar uma documentada análise histórica aos movimentos musicais das populações desta localidade de São Miguel de Acha ao longo dos últimos mais de cem anos, a obra dá-nos conhecimento da atenção que foi dedicada às modas de São Miguel por alguns renomados especialistas, com a identificação dos livros ou discos que se encontram publicados.

Mas o seu importante valor cultural decorre ainda da transcrição musical das recolhas referentes a todas essas modas que estariam em risco de se perder, relativamente a muitas das quais se juntam cópias das partituras originais das modas que Fernando Lopes-Graça publicou relacionadas com São Miguel de Acha, quer só com a melodia quer com os diversos arranjos a que procedeu, e que vão desde o piano a solo, para piano a quatro mãos, para orquestra ou só para vozes.

Fernando Lopes-Graça publicou arranjos diversos em pelo menos 11 cantos ou modas de São Miguel de Acha, como o documentam as referidas partituras que foram cedidas pelo Museu da Música Portuguesa-Casa Verdades de Faria, com a devida autorização da Associação Lopes-Graça proprietária dos direitos sobre a obra musical deste autor.

O livro incorpora ainda outros trabalhos da autoria de António Leitão, de Diogo Gonçalves, de Joaquim Gonçalves e de Jorge Croner Vasconcellos, sobre modas de São Miguel de Acha: nuns casos só para coro; noutros casos para vozes, piano, orquestra; para vozes e piano; ou para vozes, orquestra, piano e soprano; ou ainda para piano e canto; ou só orquestra, como é o caso de Joly Braga Santos na melodia do “Bendito das Trovoadas de São Miguel de Acha”, integrada no Divertimento nº 1 – Parte III – Finalle, do qual existem pelo menos duas interpretações: a da Algarve Orchestra, dirigida por Álvaro Cassuto (edição de 2004) e a da Extremadura Symphony Orchestra, de Badajoz, com direção de Jesus Amigo (edição de 2006).

Leave a Reply

- Advertisment -

Most Popular

COMENTÁRIOS RECENTES

Paula Alexandra Farinha Pedroso on Elias Vaz lança livro sobre lendas e mitos de Monsanto
%d