9.6 C
Castelo Branco
Terça-feira, Dezembro 5, 2023
No menu items!
InícioRegionalArrebita Idanha Bio regressa à Aldeia Histórica de Idanha-a-Velha

Arrebita Idanha Bio regressa à Aldeia Histórica de Idanha-a-Velha

Gastronomia, cultura, natureza

O festival que está a revolucionar a cena gastronómica do país está de volta.

No dia 7 de Outubro, a 4º edição do Arrebita Idanha Bio regressa à belíssima Aldeia Histórica de Idanha-a-Velha com um elenco de chefs de topo |, o Mercado de Produtores Bio e muita animação.

Na agenda de foodies, produtores, festivaleiros e amantes da gastronomia, o Arrebita Idanha Bio leva 14 chefs e projetos de restauração de todo o país a uma das mais antigas e mais bonitas aldeias de Portugal, no concelho de Idanha-a-Nova, sob o signo da biodiversidade.

Assim, os cozinheiros são desafiados a utilizarem produtos biológicos, da região e do país, num trabalho artesanal e criterioso em conjunto com pequenos produtores com produção biológica, certificados.

Um repto abraçado por todos os participantes, num compromisso de evolução, nas próximas edições, para um festival de gastronomia que se quer 100% bio e sustentável.

Tanto mais, que Idanha-a-Nova, a primeira Bio Região do país, acaba de receber o prémio da União Europeia da Melhor Bio Região da Europa.

Democratizar a gastronomia

Depois do sucesso do Arrebita Portimão, no Algarve, há duas semanas, o Arrebita Portugal segue para o centro para mais uma edição única do festival de gastronomia mais democrático e acessível do país: a entrada é livre e os pratos de todos os chefs, alguns com estrelas Michelin, têm o custo único de 6,5€.

“Acreditamos que para termos uma gastronomia como referência mundial, temos primeiro de criar uma cultura gastronómica, sobretudo junto das comunidades que vivem for a dos grandes centros urbanos. Por outro lado, é for a dos grandes centros que se encontram os produtores e os produtos de produção biológica e sustentável É muito gratificante organizar e fazer acontecer um festival como o Arrebita com estas características, de entrada gratuita, muito familiar e aberto a todos”, referem Ana Músico e Paulo Barata, diretores da Amuse Bouche, que organiza o Arrebita Portugal.

Os Chefs Michelin

E por falar em democratização e acesso, mais uma vez integram o elenco do Arrebita Portugal chefs distinguidos pelo Guia Michelin: Vincent Farges, do Épur* (Lisboa), Gil Fernandes, Fortaleza do Guincho* (Cascais) e Julien Montbabut, Le Monument* (Porto) vão estar a cozinhar ao vivo e a cores, ao lado, quem sabe, da D. Beatriz, a padeira e guardiã do Forno Comunitário da aldeia.

É este o e do Arrebita e o que o torna tão único e especial.

O elenco completo

A eles, juntam-se outros projetos incríveis de cozinha de autor e criativa, alguns da região, como o ousado Old School, de Medelim (ao lado de Idanha-a-Velha), que envolve empreendedores de Lisboa e criativos locais, e o Monsanto Café Bistro, da Aldeia Histórica de Monsanto.

Mas a festa da gastronomia em movimento não ficaria completa sem a Michele Marques, da Mercearia Gadanha (Estremoz, Alentejo), o Filipe Ramalho, do Pateo Real (Alter do Chão, Portalegre), o João Guedes, do Flora Food & Wine,(Viseu), o Rui Rebelo, do Terraço Editorial (Lisboa), a dupla Joaquim Sáraga Leal, Os Papagaios, e Hugo Brito, do Boi Cavalo (ambos de Lisboa), o Ruben Santos, A Casa do Gadanha (Estremoz), a Lídia Brás, do Stramuntana (Vila Nova de Gaia) e o Ricardo Machado, do Bairro do Avillez (Lisboa). Todos eles com doses generosas de talento, garra e determinação, e os melhores produtos biológicos da região, e não só, à sua disposição.

Mas a experiência não fica completa sem aquele acompanhamento perfeito: pode ser cerveja, sumos, vinhos e/ou cocktails e o café, claro.

Palco Cepsa

A Cepsa, parceiro do Arrebita Portugal, volta a dar gás, e voz, à gastronomia portuguesa e chama ao palco a chef Michele Marques, o Filipe Ramalho, o Joaquim Sáraga Leal e o Ruben Santos para um programa imperdível de showcookings ao longo do dia.

A animação vai ficar a cargo do DJ B.Riddim, da Guarda, das Adufeiras do Rancho Etnográfico de Idanha a Nova e da banda Tukariouppa BBU Fanfare, de Almeida,  outra aldeia histórica na região.

Desde sempre diretamente ligado à comunidade e às pessoas da região, este ano o Arrebita Idanha Bio está integrado no programa da iniciativa Idanha a 1000, da Filarmónica Idanhense, com o apoio da Câmara Municipal de Idanha-a-Nova, que engloba várias áreas e temas e acontece por todo o concelho.

A festa arranca às 12h00 e prossegue até às 23h00 e a entrada é livre.

É um festival para toda a família e o pretexto certeiro para fazer planos para o fim-de-semana prolongado, sair de casa e ir visitar o país.

 

Leave a Reply

- Advertisment -

Most Popular

COMENTÁRIOS RECENTES

Paula Alexandra Farinha Pedroso on Elias Vaz lança livro sobre lendas e mitos de Monsanto
%d